Archive for 11 de maio de 2017

Durante abordagem, PM apreende carne de animal, materiais, espingarda e munições em Ivaiporã

Por Marcia Santos
Jornalista PMPR

Carne de animal abatido, materiais, uma espingarda e munições foram apreendidos por policiais militares da 6ª Companhia Independente de Polícia Militar (6ª CIPM), pertencente ao 2º Comando Regional da PM (2º CRPM). A ação aconteceu na noite de terça-feira (09/05) na cidade de Ivaiporã (PR), no Centro-Norte do estado. Três pessoas foram encaminhadas.

Por volta das 22h45, os policiais deslocaram-se até a estrada da Serrinha onde, próximo ao bairro Severiano, avistaram um veículo Chevy, de cor cinza, em atitude suspeita com três pessoas no seu interior. Após busca pessoal a equipe encontrou, com um dos homens, um facão. Com os outros dois nada de ilícito foi localizado.

Dentro do carro os militares estaduais encontraram ainda um animal abatido separado em três sacos e guardado no compartimento de carga, além de três facas, um machado, uma corda, uma espingarda calibre. 22 e três munições intactas.

O trio foi encaminhado, juntamente com o veiculo, a carne e as demais apreensões, à 54ª Delegacia Regional de Polícia para que os procedimentos necessários fossem tomados.

Polícia resgata de cativeiro dois jovens empresários de Fênix sequestrados no aeroporto em Porto Alegre

Do G1

A polícia resgatou no início da tarde desta quinta-feira (11) dois homens que estavam sendo mantidos em cativeiro após serem sequestrados por volta das 6h da manhã no Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre.

As vítimas são dois empresários paranaenses, que estavam no Rio Grande do Sul para comprar máquinas agrícolas. Os criminosos se passaram por vendedores, capturaram os homens e levaram eles para uma casa no bairro Jardim Algarve, em Alvorada, na Região Metropolitana.

“O Deic foi acionado pela Polícia Civil do Paraná sobre a existência de um caso de extorsão seguido de sequestro em andamento, tendo como vítimas duas pessoas da cidade de Fênix os empresários Rui Pedro Sales Molina Filho do Prefeito Neno Molina e seu Sócio Alisson Rosa Paglia, ambos de 25 anos,  da Empresa Serranos Engenharia e Projetos. Essas pessoas foram atraídas aqui para o Rio Grande do Sul, especialmente para Porto Alegre, através de um anúncio de uma retroescavadeira”, explicou o delegado João Paulo de Abreu, do Departamento Estadual de Investigações Criminais.

Durante o percurso até o cativeiro, um dos empresários avisou a família que estava sendo sequestrado. Os parentes da vítima avisaram a polícia local, que fez contato com os agentes gaúchos.

A Polícia Civil usou um helicóptero na ação, que ajudou a localizar a casa onde os homens estavam sendo mantidos. Um dos criminosos foi preso no local. Outros dois sequestradores fugiram por um matagal que fica nas proximidades do cativeiro.

As autoridades seguem com as buscas para tentar localizar os outros membros do grupo, que já foram identificados.

Os dois jovens empresários estão bem. 

PRF apreende 51 quilos de maconha e recupera carro roubado em Arapongas

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 50,9 quilos de maconha na manhã de quarta-feira (10) em Arapongas, na região norte do Paraná. A droga era transportada em um automóvel Ford Focus roubado.

O motorista apresentou um carteira de identidade falsa. Ele foi preso pelos crimes de receptação, uso de documento falso e tráfico de drogas.

Por volta das 11h30, na BR-369, os agentes da PRF abordaram o veículo, conduzido por um homem de 34 anos.

Os policiais rodoviários federais verificaram que o carro havia sido roubado no último dia 10 de janeiro, em Maringá (PR). Após vistoria minuciosa, os agentes encontraram os tabletes de maconha escondidos no interior dos bancos, painel e interior das portas.

Além disso, o motorista tentou se identificar como se fosse outra pessoa, ao se valer de um RG falsificado.

Diante dos fatos, ele foi preso em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas, receptação, uso de documento falso e adulteração de sinal identificador de veículo, pelas placas falsas utilizadas.

A ocorrência foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil em Arapongas. 

Fonte PRF

Palestra realizada em São João do Ivaí “quebra o silêncio” sobre pedofilia

Pedofilia: Quebrando o Silêncio. Esse foi o tema da palestra ministrada na noite de quarta-feira (10), no Teatro Barracão, em São João do Ivaí, pela sargento da Polícia Militar do Estado do Paraná, Tânia Guerreiro. O evento foi promovido pela prefeitura da cidade com o apoio do Conselho Municipal dos Direitos das Crianças e dos Adolescentes (CMDCA). 

A palestrante é especialista no assunto, tendo vasto currículo na luta contra a pedofilia. Tal conhecimento a credenciou em diversos trabalhos sobre o tema, no âmbito nacional e internacional. “São 34 anos trabalhando na PM, e desses, 31 são dedicados a combater o crime de pedofilia. Trago toda essa experiência para o público durante a palestra e dou dicas importantes de como identificar um pedófilo”, conta Guerreiro.

Dados divulgados pela Ouvidoria Nacional dos Direitos Humanos, referentes ao ano de 2016, com base nas denúncias recebidas pelo Disque 100 – canal para denúncias sobre crimes de violência sexual contra crianças e adolescentes, revela que quase 90% dos violadores denunciados são conhecidos da família da vítima, muitas vezes parentes e vizinhos.

De acordo com os números publicados, mais de 76.171 denúncias foram feitas no Brasil em 2016. “Os casos são crescentes e a sociedade de forma geral precisa romper com o medo de denunciar. Quem explora a sexualidade de uma criança não é um doente, é um criminoso e precisa ser duramente penalizado”, opina a sargento.

A vice prefeita Carla Emerenciano participou da palestra que atraiu mais de 300 pessoas, lotando o Teatro Municipal. Ela relembrou que já houve casos de pedofilia na cidade e que denúncias são investigadas todos os anos. “É por isso que a administração não foge do tema e busca incentivar eventos assim, para esclarecer a sociedade e encorajar as vítimas”, destaca.

A palestra atraiu moradores de vários municípios vizinhos. Também estiveram presentes os conselheiros tutelares da cidade, secretários municipais, chefes de departamentos, professores, agentes de saúde e membros de associações. A organização contou com o apoio de membros da secretaria municipal de Assistência Social, Cras e Creas.

Quem compareceu, participou de sorteio de prêmios oferecido pela Associação Comercial (ACISJI) e recebeu certificado assinado pela Sargento Tânia Guerreiro.  

Homem é assassinado em latrocínio e filho presencia o crime

foto: Divulgação/Noti-cia

Reinaldo Zahlfeld, de 45 anos, foi morto em um latrocínio (roubo seguido de morte), registrado na noite de terça-feira (9) em Tapejara. O crime chocou os moradores e a comoção tomou conta das redes sociais.

O crime ocorreu no Jardim Laranjeiras, por volta das 21 horas. De acordo com as informações do delegado Gabriel dos Santos Menezes, de Cruzeiro do Oeste, responsável pelas investigações, o que se sabe até o momento é que “três suspeitos tentaram roubar uma caminhonete Amarok nas proximidades da casa da vítima. O dono da caminhonete jogou a chave no mato e saiu correndo. Neste momento, os suspeitos viram Zahlfeld saindo de sua casa com o carro da esposa para abastecer”.

Os rapazes teriam abordado a vítima para roubar o Palio. Ainda não se sabe o motivo, mas os bandidos efetuaram dois disparos contra o homem. O filho da vítima, uma criança de 10 anos, teria presenciado a morte do pai. Zahlfeld chegou a ser encaminhado ao Pronto Atendimento Municipal, mas morreu pouco depois de dar entrada na casa hospitalar.

A polícia foi acionada e realizou buscas, mas não localizou os suspeitos. No início da madrugada desta quarta-feira (10), o carro da vítima foi encontrado incendiado na estrada que liga Mariluz a Moreira Sales.

Colaboração Umuarama News/Noti-cia.com/O Bemdito

União, Estado do Paraná e Município de Londrina são inocentados da morte de menino que esperava marca-passo

A União, o Estado do Paraná e o Município de Londrina não podem ser responsabilizados pela morte de menino que esperava implante de marca-passo. O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) reformou, no final de abril, sentença que condenava os entes a pagar indenização por danos morais à família da criança.

O menino tinha paralisia diafragmática, doença causada por problema cardíaco. Em 2012, a família conseguiu judicialmente a viabilização do implante de um marca-passo diafragmático para melhorar suas condições respiratórias. Porém, ele morreu sem ter passado pelo procedimento.

A família, então, entrou com ação contra a União, o estado e o município, pedindo indenização de R$ 500 mil por danos morais. Eles afirmavam que as entidades foram omissas na prestação do serviço, causando a perda de chance de sobrevivência da criança.

A Justiça Federal de Londrina julgou o pedido parcialmente procedente. As entidades foram responsabilizadas pelo não fornecimento do implante, mas o valor da indenização foi diminuído para R$ 120 mil.

A União, o estado e a prefeitura apelaram ao tribunal. Eles alegam que a morte do menor foi decorrência de sua própria condição de saúde, debilitada desde o nascimento. Declararam, também, que todas as medidas possíveis foram tomadas e que o marca-passo não traria a cura e nem prolongaria a vida da criança.

A relatora do caso na 3ª turma, desembargadora federal Marga Inge Barth Tessler, deu provimento ao pedido, sustentando que não existem provas da negligência dos réus no cumprimento da decisão para justificar o dano moral alegado.

“No caso presente, não se deve confundir a conveniência ou não da cirurgia de implante do marca-passo com a probabilidade de êxito do procedimento, suficiente a gerar a indenização pelo aludido dano moral. Ademais, o laudo médico juntado aos autos não dá certeza do sucesso da implantação do marca-passo em casos como o do paciente em questão. Assim, o resultado bem sucedido da cirurgia não era certo, sendo juízo de mera possibilidade”, afirmou a magistrada.
Fonte/TRF

Homem é encontrado morto em Mauá da Serra

Eloir Tomaz Batista, foi encontrado morto na manhã de quarta-feira (10) na Rua 15 de Novembro em Mauá da Serra. A Pm recebeu um chamado que teria dado entrada no hospital um homem vítima de disparo de arma de fogo. No hospital constatou que ele já havia entrado em óbito com três disparos de arma de fogo na cabeça. O trabalho de investigação está sendo realizado para identificar o autor do crime.

PRF apreende R$ 50 mil em relógios de luxo

Fonte PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 18 relógios de luxo na tarde desta quarta-feira (10) em Campina Grande do Sul, na região metropolitana de Curitiba.

A carga, trazida ilegalmente do Paraguai, sem o pagamento dos impostos correspondentes, vale pelo menos R$ 50 mil. O modelo mais caro é comercializado por R$ 5 mil.

O motorista, de 25 anos de idade, responderá pelo crime de descaminho, que prevê pena de um a quatro anos de prisão.

Ele dirigia um automóvel Hyundai HB20, abordado na BR-116, em frente à Unidade Operacional Taquari.

A PRF encaminhou a ocorrência para a Receita Federal, em Curitiba.