Archive for 20 de maio de 2017

Arrombamento de residência no distrito de Santa Luzia da Alvorada

Claudinei Godoy Lemos, popular “Papa Tudo” morador no sítio São Sebastião no distrito de Santa Luzia da Alvorada, procurou nossa reportagem bastante revoltado. Segundo ele nesta sexta-feira (19) estava velando seu pai que havia falecido no salão da igreja na sede do distrito e ladrões aproveitaram para ir a sua propriedade para furtar.

Depois do sepultamento de seu pai, ele chegou ao sítio e encontrou a casa arrombada, estava toda suja de barro e toda revirada, no momento ele não sentiu falta de nenhum objeto, mas ficou revoltado com a falta de respeito, pois no momento difícil da família que é a perda de um ente querido, ladrões aproveitaram para furtar e revirar sua residência, ele aproveitou para fazer um alerta aos moradores do distrito, que fiquem atentos e não deixem suas residências, pois os ladrões estão atentos.

Campanha de vacinação contra a gripe termina na próxima semana

Encerra na próxima sexta-feira (26) a campanha de vacinação contra a gripe no Paraná. A meta do Estado é imunizar 90% do público-alvo, que inclui crianças até 4 anos, gestantes, idosos, puérperas (mulheres até 45 dias após o parto), indígenas, trabalhadores da saúde, professores e portadores de doenças crônicas. Até esta sexta-feira (19), 74% deste público foi vacinado, o que representa a aplicação de 2,2 milhões de doses.

“Precisamos conscientizar a população de que a vacinação é fundamental para combatermos a gripe. Os paranaenses que ainda não receberam a dose precisam ir à unidade de saúde mais próxima para garantir sua imunização”, enfatizou o secretário de Estado da Saúde, Michele Caputo Neto.

Puérperas e idosos são os grupos que mais aderiram à campanha, com 86,92% e 84,20% da população imunizada, respectivamente. Em contrapartida, os dois grupos que menos receberam as doses são as crianças (55,22%) e as gestantes (59,02%).

“Os grupos priorizados apresentam maior vulnerabilidade com relação à sua saúde e, por isso, precisam se proteger contra a gripe. Devemos dar atenção a todos os grupos, em especial às crianças e gestantes que ainda não atingiram a cobertura ideal de imunização”, salientou o coordenador estadual de Imunização, João Luís Crivellaro.

A campanha de vacinação acontece nos 399 municípios do Estado. A vacina é efetiva contra os três tipos de vírus da gripe mais circulantes: influenza A (H3), influenza A (H1N1) e influenza B. A única contra-indicação é para pessoas que possuem histórico de reações alérgicas ao ovo de galinha e derivados.

Com informações da AEN