Archive for 4 de agosto de 2017

PM Ivaiporã prende 5 pessoas com 9 quilos de maconha

Fonte Paraná Centro

A Polícia Militar de Ivaiporã prendeu em flagrante na tarde desta quinta-feira, 3 de agosto, 4 homens por suspeito de tráfico de drogas. As prisões de Willian Alves Taborda, 21 anos; Diego Sapatini, 26 anos; Higor Rogels da Silva Santos, 22 anos, todos de Ivaiporã; além de Flávio Henrique Boasorte, 23 anos, de Londrina, foram efetuadas, após denúncia anônima que resultou ainda na apreensão de 9 quilos e 14 gramas de maconha, que estava no veículo Astra e uma balança de precisão encontrada no Gol, ambos com placa de Ivaiporã. Além disso, a PM prendeu Luiza Jimenez, e encontrou celulares e documentos em um dos carros, e mais 124 gramas de maconha que estavam na residência de Higor.

Conforme o major Laércio Sagati, da 6ª Companhia Independente de Polícia Militar de Ivaiporã, não é possível precisar se os homens trouxeram a droga de Londrina ou Foz do Iguaçu. “É o resultado do trabalho em conjunto entre Polícia Militar e sociedade, que por meio de denúncia, evitou que a droga adentrasse e fosse distribuída no município”, afirmou major Sagati.

Segundo o major, os detidos devem responder por tráfico de drogas, tendo em vista a quantidade de maconha localizada no banco de um dos veículos. “Localizamos no Astra aproximadamente 10 tabletes de maconha e 1 balança de precisão que estava no Gol. Os elementos foram presos em flagrante e serão enquadrados por tráfico de drogas”, destacou o major.

Os presos, bem como os veículos, e os objetos foram encaminhadas para a Delegacia de Polícia Civil de Ivaiporã. 

leia Mais

Curso de Oratória em São João do Ivaí, faça sua inscrição

Governo quer aprovar reforma da Previdência até outubro

Agência Brasil

O governo federal espera aprovar a reforma da Previdência até outubro deste ano, disse o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, que participou de reunião com investidores estrangeiros na capital paulista. Ele não acredita que o placar da votação que rejeitou a denúncia contra o presidente Michel Temer vá se refletir na votação das reformas. “Não é simplesmente quem é contra ou a favor do governo. Vai além disso. Acreditamos na viabilidade da aprovação”, apontou. O ministro destacou que a aprovação das reformas demandará trabalho intenso. “Não é uma coisa trivial”, disse.

Meirelles falou também sobre a reforma tributária que, na avaliação dele, deve ser votada até novembro. “Estamos trabalhando duro na reforma tributária e ela vai ser apresentada ao Congresso num próximo momento.” Ele não descartou a possibilidade de inverter a ordem de votação entre as reformas prioritárias para o governo. “Se até lá a Previdência não tiver sido votada, [a tributária pode passar na frente].”

Meta fiscal

O ministro disse ainda que o governo analisa as razões para a queda na arrecadação para avaliar possíveis mudanças na meta fiscal. “A princípio a meta é R$ 139 bilhões. Nosso compromisso, nosso objetivo é cumprir a meta”, afirmou. Entre razões que podem explicar a diminuição da arrecadação, está a inflação. “Se a inflação volta a convergir para a meta, portanto, isso tende a regularizar essa parte da receita”, explicou.

Outra questão que teve impacto, segundo Meirelles, foi o Refis, o programa de refinanciamento de dívidas de empresas e pessoas físicas. “Mas a arrecadação junho já retomou um pouco e nossa expectativa é que a retomada possa resolver essa questão”, disse.

Aumento de combustíveis

Meirelles comentou ainda o prazo de cinco dias dado pela ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), para que a Presidência da República explique o aumento de impostos sobre os combustíveis, anunciado pelo governo no último dia 20 de julho.

“É uma discussão normal. O parecer da AGU [Advocacia-Geral da União] foi de que, sim, neste caso, por razões específicas, o aumento do PIS [Programa de Integração Social] e Confins [Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social] sobre combustíveis especificamente pode ser feito por decreto”, justificou.

3º Encontro de Trilheiros em São João do Ivaí, renda será revertida ao Lar São Lourenço

Falecimentos em São João do Ivaí

Dois falecimentos foram registrados em  São João do Ivaí nas últimas horas.

José Bernardo de Andrade, 69 anos, ele esta sendo velado na capela mortuária, seu sepultamento será as 14h00 desta sexta-feira (04) no cemitério municipal. Sr. José é sogro do Pardinho que trabalha na prefeitura.

Também faleceu o sr. Laurindo Augusto de Faria, 76 anos, ele é morador antigo no distrito de Santa Luzia da Alvorada, família tradicional, pai do Valdecir, ele está sendo velado no distrito de Santa Luzia. Sepultamento será em São João do Ivaí as 17h00 desta sexta-feira.