Archive for 2 de outubro de 2017

Fórum eleitoral da comarca de São João do Ivaí inicia cadastramento biométrico

Da Assessoria

O cadastramento biométrico dos eleitores de São João do Ivaí, Lunardelli e Godoy Moreira começou nessa segunda-feira (02). A juíza da comarca, Andréa de Oliveira Lima Zimath, e o chefe do cartório eleitoral, Juliano Junior Silvério, realizaram a abertura oficial dos trabalhos, aproveitando a presença dos prefeitos da Comarca.

Os prefeitos Fábio Hidek Miura (São João do Ivaí), Reinaldo Grola (Lunardelli) e José Gonçalves (Godoy Moreira), foram os primeiros a fazerem o cadastramento biométrico. “Estamos aqui para incentivar à nossa população a se regularizar com a Justiça Eleitoral. É muito rápido o processo”, destaca o prefeito de Lunardelli.

Segundo a juíza, a biometria é um sistema mais seguro que dará ainda mais credibilidade ao processo eleitoral. “Com essa modernização, as chances de fraudes são quase nulas. É muito importante que a população vá até o cartório eleitoral para o cadastro biométrico”, incentiva.

Para fazer a biometria, é necessário que o eleitor leve documento de identificação oficial com foto, comprovante de residência recente em seu nome e comprovante de alistamento militar – para os homens maiores de 18 anos e que vão fazer o primeiro título. “Temos capacidade de atender dezenas de pessoas ao mesmo tempo. Quem não quer enfrentar fila, pode agendar seu atendimento pela internet”, assinala.

O agendamento é feito pelo site do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PR): http://www.tre-pr.jus.br. O cidadão deve clicar no menu Eleitor e escolher a opção Agendar Atendimento ao Eleitor.

O que acontece se eu não fizer o cadastramento biométrico?

Quem não fizer o cadastramento terá o titulo de eleitor cancelado, não podendo votar nas próximas eleições e pode ter problemas como não poder tirar passaporte, não assumir cargos públicos, entre outras situações.

16 presos fogem da cadeia de Jandaia do Sul

Policiais civis e militares procuram detentos que fugiram da cadeia de Jandaia do Sul na madrugada desta segunda-feira (2).

Conforme informações, 16 presos se evadiram por um buraco feito no teto da cadeia.

Segundo a Polícia Civil estão foragidos:

Diego Francisco Saldanha – Ivan Alves Teixeira – Ruan Armagni Braz – Adriano José França – Aldeir de Melo – Fábio Aparecido do Nascimento – José Carlos de Sobral – João Marcos de Oliveira – Leandro de Melo Silveira – Luiz Carlos do Nascimento –  Marcelo Soares da Silva – Sandro Francisco de Almeida – Agnaldo Soares da Silva – Eberton Martins dos Santos – Edinaldo Pereira Vasconcelos – Alan Rafael de Azevedo.

Fonte e foto Jandaia Online

Conta de luz fica mais cara em outubro

Agência Brasil

Com o início do mês de outubro, a conta de luz ficará mais cara. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) mudou a bandeira tarifária das contas de luz, que passou a ser a vermelha patamar 2. A tarifa é a mais cara do modelo e representa a cobrança de taxa extra de R$ 3,50 a cada 100 Quilowatt-hora (kWh) consumidos.

Em setembro, a bandeira tarifária das contas de luz foi a amarela, com taxa extra de R$ 2 para cada 100 kWh de energia consumidos. A tarifa extra mais alta a partir deste mês se deve à necessidade de operar mais usinas térmicas, cujo custo de produção da energia é mais alto que a da produzida nas hidrelétricas. A mudança foi anunciada pela Aneel na última sexta-feira, 29.

É a primeira vez que o patamar 2 é acionado, desde que a bandeira vermelha passou a contar com duas graduações, em janeiro de 2016. A decisão foi tomada devido à baixa vazão das hidrelétricas, porque as chuvas em setembro ficaram abaixo da média. Segundo o relatório do Programa Mensal de Operação (PMO) do Operador Nacional do Sistema (ONS), a situação dos reservatórios das usinas hidrelétricas alcançou níveis preocupantes.

A agência reguladora aponta que ainda não há risco de desabastecimento de energia, mas alerta para a importância de os consumidores intensificarem o uso consciente e combater o desperdício de energia elétrica.

O que fazer para economizar

Tomar banhos mais curtos, de até cinco minutos; não deixar portas e janelas abertas em ambientes com ar-condicionado; evitar deixar a porta da geladeira aberta sem necessidade ou colocar alimentos quentes nela; retirar os aparelhos da tomada quando possível ou durante longas ausências e utilizar iluminação natural ou lâmpadas econômicas e apagar a luz ao sair de um cômodo são ações que podem contribuir para evitar o desperdício e também o peso das mudanças no bolso.

Pesca predatória em Lidianópolis

A Policia Militar Ambiental recebeu denúncia que alguns pescadores estavam praticando pesca predatória no município de Lidianópolis na região conhecida por Salto Fervedouro.

Na madrugada deste domingo 1º de outubro a equipe de plantão encontrou um acampamento com 4 pessoas, eles relataram que não haviam visto pescadores naquela região.

A cerca de 30 metros do acampamento foi encontrado 600 metros de rede de diversas malhas, um tarrafa malha 4 e 2,5 kg de peixes nativos.

As pessoas que estavam no acampamento ao lado negaram ser donos do material encontrado, diante da falta de prova, não foi possível fazer o flagrante.