Archive for Noticias

Vale do Ivaí ganhará nova subestação de energia

Agência Estadual

A Copel deu início à construção de uma nova subestação em São Pedro do Ivaí que irá beneficiar 15 mil domicílios em toda a região do Vale do Ivaí, contemplando residências, comércio e indústria. A construção da unidade e das linhas de transmissão que vão garantir sua conexão ao sistema elétrico paranaense soma um investimento superior a R$ 37 milhões.  Foto: Divulgação Copel

A Copel deu início à construção de uma nova subestação em São Pedro do Ivaí que irá beneficiar 15 mil domicílios em toda a região do Vale do Ivaí, contemplando residências, comércio e indústria. A construção da unidade e das linhas de transmissão que vão garantir sua conexão ao sistema elétrico paranaense soma um investimento superior a R$ 37 milhões.

O empreendimento deve ficar pronto em junho do ano que vem, e irá operar na tensão de 138 mil volts, com um transformador de 21 MVA (megavolts-ampère). A construção se localiza às margens da PR-457, de onde sairão novos circuitos para atendimento direto a Kaloré, Bom Sucesso e São João do Ivaí, além de Marumbi, perfazendo 56 quilômetros de novas redes de distribuição, na tensão de 34,5 mil volts.

Também estão sendo construídas duas linhas de transmissão, que farão a interligação da nova subestação em São Pedro do Ivaí com unidades da Copel já existentes nas cidades de Mandaguari e Barbosa Ferraz.

INVESTIMENTOS – De acordo com o diretor de Distribuição da Copel, Antonio Guetter, o objetivo deste empreendimento é melhorar a qualidade da energia elétrica fornecida, além de garantir a capacidade de crescimento da região. “A Copel está comprometida com o desenvolvimento econômico e social do Paraná, por isso estamos sempre investindo na expansão e aperfeiçoamento do sistema”, destaca.

O investimento da companhia em 2016 é o maior já realizado em sua história, chegando a R$ 2,72 bilhões no balanço dos primeiros nove meses do ano. Em comparação com o mesmo período do ano passado, o valor aplicado aumentou 70%.

Ônibus de turismo é assalto na rodovia PR 444

thumb_cropA Polícia Militar de Jandaia do Sul foi acionada na madrugada desta sexta-feira (2) para registrar mais um assalto a ônibus de turismo.

Elementos fortemente armados abordaram o coletivo na PR-444 em Mandaguari e consumaram o roubo na região de Marumbi.

Uma pessoa ficou ferida na perna e foi atendida no PAM de Jandaia do Sul.

O ônibus na empresa TMT Tur tem placas de São Paulo

Fonte Jandaia Online

Caixas eletrônicos são explodidos em Santa Amélia

fotosSegundo Informações a ação foi por volta das 03h00 da madrugada desta sexta-feira (02), bandidos explodiram caixas da Agência do Bradesco e do Sicredi, muitos tiros e explosões foram ouvidos durante a ação, o destacamento da policia militar onde os policiais militares estavam foi metralhado dificultando assim a reação dos policiais.

Foi acionado reforço para as equipes das cidades vizinhas deslocarem até a Cidade de Santa Amélia, no norte pioneiro, mas foi encontrado dificuldade pois os assaltantes jogaram pregos na rodovia, a quadrilha fugiu em uma caminhonete Toyota Hilux vermelha sentido a BR 369. Posteriormente a Hilux foi encontrada abandonada na área rural de Bandeirantes.

Informações Eliandro Piva/Fotos Vilson Moreno

Corpos das vítimas do acidente na Colômbia chegam ao Brasil na manhã de sábado

Daniel Isaia – Enviado especial Agência Brasil

corposOs corpos dos brasileiros que morreram no acidente aéreo da última terça-feira (29) na Colômbia devem chegar a Chapecó na manhã de sábado (3). O itinerário do vôo que vai transportar as vítimas da tragédia foi divulgado ontem (1º) pelo Ministério das Relações Exteriores.

A decolagem de Medellín está prevista para hoje (2), às 19h, pelo horário de Brasília. O avião deve voar por quatro horas e meia até Manaus, onde fará uma parada técnica para abastecimento. De lá, o avião segue por mais seis horas até a cidade catarinense.

A viagem terá uma duração total de 12 horas, contando com o tempo de parada para abastecimento. Assim, a previsão é de que a aeronave pouse no aeroporto de Chapecó às 7h da manhã de sábado.

Segundo confirmou hoje o Palácio do Planalto, o presidente da República Michel Temer vai acompanhar a chegada dos corpos das vítimas. Ele deve participar de uma cerimônia no aeroporto da cidade catarinense, mas não irá ao velório coletivo na Arena Condá.

 

Justiça autoriza que mulher vítima de estupro faça aborto em Foz do Iguaçu

Do G1

A Justiça autorizou a interrupção da gravidez de uma mulher de 22 anos, vítima de estupro em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná. O pedido foi feito pela Defensoria Pública no município.

A mulher disse à Defensoria Pública que não contou a ninguém sobre a violência sofrida. Dois meses depois, descobriu a gravidez, procurou um hospital público e pediu que o bebê fosse retirado.

O pedido, no entanto, foi negado, mesmo depois do registro de um boletim de ocorrência – desnecessário, neste caso, de acordo com a Defensoria, já que a mulher foi vítima de violência e tem motivos para não expor o crime.

“Praticar aborto é conduta punível pelo Direito brasileiro. Entretanto, a lei prevê algumas hipóteses em que ele é considerado legal. Uma dessas hipóteses é em caso de gravidez resultante de estupro. Existem apenas dois requisitos legais para a realização do aborto decorrente de estupro: que ele seja realizado por um médico e que haja o consentimento da gestante”, explica a defensora pública Maria Fernanda Ghannage Barbosa.

Os documentos do caso, então, foram levados à Justiça, que, quatro dias depois, autorizou a interrupção da gestação. O procedimento teve que ser feito com pressa, já que deveria ser feito até a 12ª semana de gestão e a mulher já estava na 11ª.

A demora na descoberta da gravidez ocorreu porque a mulher teve sangramentos e imaginou que fosse menstrução, de acordo com a Defensoria. Os enjoos e dores é que fizeram com que ela desconfiasse da gestação.

A jovem foi atendida, na Defensoria, pela assistente social Patrícia Vicente Dutra. “Ela [a vítima] se emocionou muito. Relatou que não sente qualquer afeto ou desejo pela criança que gesta, já que é fruto de uma violência brutal. Além disso, tendo em vista o descolamento da placenta, tem sentido fores dores, incômodos e mal-estar. Ela relatou ainda que, desde o ocorrido, teve muita dificuldade de se expressar, de procurar ajuda”, explicou a assistente.

Decisão
A juíza responsável pela decisão reforçou a dispensa de documentos que comprovem a violência sexual, lembrando que a Legislação já prevê a interrupção da gravidez em caso de estupro.

De acordo com Maria Fernanda, este caso é muito representativo da condição da mulher na sociedade brasileira.

“As pessoas ainda partem da premissa equivocada de que as mulheres que solicitam o aborto legal são mentirosas, que a vítima de violência é a culpada pela violência sofrida. Para mim, ao mesmo tempo em que esse caso, com uma decisão favorável, representou uma vitória, ele também foi a representação de toda violência a que nós, mulheres, ainda estamos submetidas dentro de uma sociedade que pretende ser livre e igualitária, mas que na verdade ainda é machista, patriarcal e opressora”, afirma a defensora pública. leia mais

Coamo realiza Natal de Luzes nesta quinta-feira

imgl0149Será realizado às 20 horas desta quinta-feira (1º de dezembro), o Natal de Luzes da Coamo. Tradicional evento que marca o início das festividades natalinas em Campo Mourão. A novidade para este ano é a apresentação do Espetáculo de Natal com o grupo Espaço Sou Arte. Além da programação artística, o evento contará com acendimento das luzes da administração central, chegada do Papai Noel e distribuição de balas.

O Natal de Luzes da Coamo é aguardado com muita expectativa por crianças, jovens e adultos, e marca o início das festividades natalinas na região de Campo Mourão. “Orgulhosamente, a Coamo apresenta este espetáculo que já virou tradição. Com muito carinho e talento a nossa equipe de funcionários planeja e realiza este espetáculo que é feito com carinho para a comunidade”, afirma José Aroldo Gallassini, presidente da Coamo, que faz questão de estar presente no evento.

Segundo Gallassini, o Natal é uma data sublime, em que o coração humano se enche de luz e de esperança. “Não há quem consiga ignorar esta data e passar indiferente nesta época do ano. Acreditamos na força da união e do trabalho para dias melhores com muita fé, esperança e amor. Por isso, é uma homenagem da Coamo a todos os cooperados, funcionários e a comunidade, desejando um novo ano repleto de muitas felicidades, colheitas, prosperidade, paz, amor e realizações”, comenta o presidente.

Coamo antecipa R$ 98,1 milhões em sobras

gallassini_sobrasA cada ano a cena se repete. Na Coamo, os bons resultados são comemorados no final do ano partilhados entre os cooperados. Está época é muito aguardada pelos 28 mil associados que receberão na próxima quarta-feira (07), de forma antecipada parte das sobras da cooperativa referente a 2016. O valor total será de R$ 98,1 milhões e foi divulgado na tarde desta quarta-feira (30) pelo presidente da Coamo, José Aroldo Gallassini.

O dinheiro será pago em todas as unidades da cooperativa no Paraná, Santa Catarina e Mato Grosso do Sul. Os cooperados têm direito ao benefício na proporção da movimentação de cada um, durante o ano, com os produtos soja, milho, trigo e insumos.

Conforme o presidente, é uma satisfação para a diretoria da Coamo anunciar está boa notícia para o quadro social. “A Coamo possui tradição do pagamento antecipado das sobras nesta época do ano. Essa condição é realizada desde a sua fundação, há 46 anos. Além de ‘engordar’ as festas de final de ano, o dinheiro das sobras ajuda a impulsionar o comércio nas várias regiões da área de atuação da cooperativa”, comenta Gallassini.

Ele destaca que a antecipação só é possível devido a solidez, administração e bons resultados que a cooperativa vem obtendo, exemplo disso é o faturamento da Coamo que neste ano deve ultrapassar R$ 11 bilhões.

Na avaliação do presidente, o valor das sobras a ser antecipada aos cooperados é bastante significativo. “Comemoramos novamente esses bons resultados, fruto da participação efetiva dos cooperados e da boa administração da diretoria. Neste ano que estamos prestes a encerrar, mais uma vez, o balanço é positivo com aumento nos volumes de produtos. E apesar da crise que diversos setores do país vem passando, a agricultura consegue se manter muito bem e ainda apresenta números positivos”, assinala Gallassini.

Pedágios nas estradas do Paraná ficam mais caros a partir desta quinta-feira dia 1º

Do G1

Os pedágios nas estradas do Paraná ficarão mais caros a partir de quinta-feira (1º).

O reajuste anual contratual vai variar de 4,04% a 5,19%, abaixo da inflação do período, que foi de 7,87%, conforme o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

Entrentanto, a Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Infraestrutura do Paraná (Agepar) já havia homogolado, com vigência a partir de quinta-feira, a aplicação da revisão tarifária para cobrir os custos de obras não previstas em contrato, como viadutos e duplicações, ou obras cujo cronograma foi antecipado. Por essa razão, os preços vão ficar até 13% mais caro.

 Veja como ficarão os preços.

O motorista que sair de Curitiba em direção ao litoral do Paraná passará a pagar R$ 18,70 – ou seja, R$ 0,70 a mais do preço pago atualmente.

A praça de Jataizinho, na região norte, terá o pedágio mais caro do estado: R$ 21. Já o pedágio mais barato vai ser pago em Jaguariaíva, nos Campos Gerais, de R$ 7,10.

Confira o reajuste em cada concessionária:
Rodonorte e Ecovia – 4%;
Ecocataratas – 5%;
Viapar – 10%;
Caminhos do Paraná – 11%
Econorte – 13%

A correção das tarifas de pedágio do Anel de Integração do Estado foi homologada pela Agepar nesta terça-feira (29).

Câmara aprova texto-base de projeto com medidas de combate à corrupção

Luciano Nascimento – Repórter da Agência Brasil

deputadosA Câmara dos Deputados aprovou por 450 votos a favor, um contra e três abstenções na madrugada de hoje (30) o texto-base do Projeto de Lei (PL) 4.850/16, que trata das medidas de combate a corrupção. No total, foram apresentadas 12 emendas ao projetos, que foram rejeitadas pelo relator, deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), e 16 destaques a pontos do texto. Todas os destaques foram aprovados pelos deputados e a matéria segue agora ao Senado.

O deputado Zé Geraldo (PT-PA) foi o único a se posicionar contra o projeto. O texto prevê, entre outros pontos, a transformação de corrupção que envolve valores superiores a 10 mil salários mínimos em crime hediondo e a criminalização do enriquecimento ilícito de funcionários públicos.

A votação do projeto ocorreu em meio a um dia tumultuado em Brasília. Na tarde dessa terça-feira, uma manifestação contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 55/16 que limita o teto de gastos da União por 20 anos foi dispersada pela Polícia Militar(PM) com bombas de gás de efeito moral, lacrimogêneo e spray de pimenta, houve confronto entre a PM e manifestantes e vandalismo e depredação de bens públicos e privados.

Entre os principais pontos do projeto está o que criminaliza a prática de utilização de recursos não contabilizados formalmente, o chamado caixa dois. Pela proposta, o candidato, o administrador financeiro que incorrer na prática poderá sofrer uma pena de dois a cinco anos de prisão, e multa. As penas serão aumentadas de um terço se os recursos forem provenientes de fontes vedadas pela legislação eleitoral ou partidária.

A possível anistia ao caixa dois foi um dos temas que mais gerou polêmicas no projeto. Mais cedo, chegou a circular um rumor de que seria apresentada uma emenda ao projeto para promover a anistia.

Crime de responsabilidade a juízes e a promotores Leia Mais

Falecimento em São João do Ivaí

falecimentoA família Almeida comunica o falecimento de Maria de Lourdes Almeida, 77anos, ocorrido hoje as 10h30 seu corpo está sendo velado na capela mortuária, dona Maria é esposa do finado sargento Randion de Almeida.O sepultamento será as 14h30 desta quarta-feira (30) com missa de corpo presente. A sua ausência nos causa profunda tristeza, mas relembrar as alegrias que você gerou entre nós e como se você estivesse presente.