A pequena Maria Fernanda Silva de Sousa completa 10 meses

Minha pequenina

Que nasceste de mim!
Não há outro amor no Mundo
Como um amor assim!

És tudo o que sempre sonhei,
Tudo o que sempre quis.
Não há amor maior,
Nem que me deixe tão feliz!

Os teus cabelinhos castanhos
Iluminam o meu dia!
Os teus olhos, tão castanhos,
Enchem meu coração de alegria!

Quando te ouço chamar “Mãe”
Com a tua voz tão docinha,
Só me apetece dar-te beijos
Nessa tua linda carinha!

Serás sempre o meu bebê,
Minha linda ternura!
Mesmo quando fores mulher,
Serás sempre a minha doçura!

Enches-me a vida de alegria,
Meu coração de amor!
Desejo que sejas sempre feliz
E que nunca conheças a dor!

Teus pais nunca conhecerão
Um amor tão lindo igual,
Mesmo quando forem velhinhos
Amar-te-ão tal e qual!

És um doce, uma ternura,
És linda e és vaidosa…
Inteligente, meiguinha,
E também um pouco teimosa!

És uma menina tão bela,
Tão fofa e tão querida!
És tudo o que sempre sonhei!
És mesmo a minha vida

DE SEUS PAIS QUE TE AMAM

FRANCIELE SOUZA E RENATO SOUZA

Adicionar a favoritos link permanente.

Um Comentário

  1. Franciele da Silva

    Linda minha bonequinha…

Deixe uma resposta