Policia Militar Ambiental apreende três mil metro de redes e motor de embarcação no Rio Ivaí

DSC02657Nesta segunda feira, dia 28 de janeiro de 2013, por  volta das 09horas da manha, pescadores pertencentes a associação de pescadores de Porto Ubá, relataram que pescadores predatórios estavam atuando naquela região e que teriam acampamento montado as margens do dos rio Ivaí, imediatamente uma equipe policial militar ambiental partiu para a região e nos patrulhamento estava abordando veículos, pessoas e áreas ribeirinhas na busca de atos de crimes ambientais.

Nesta busca por volta das 13 horas, em um acampamento as margens do rio Ivai, os policiais realizaram abordagem e encontraram cerca de três mil metros de redes dentro de doze sacos de adubo industrial e ainda cinco tarrafas também em sacos separados, e o material para pesca tinha sinais de recente utilização como umidade, pedaços de folhas e galhos verdes e odor característico de peixes.

[nggallery id=77]

No local foi encontrado também um motor de embarcação modelo rabeta de quatro hp´s que também foi apreendido e encaminhado para a sede da segunda companhia de policia ambiental em londrina aonde se tentará verificar a propriedade do material de pesca predatória apreendido pela verificação de uso recente em pesca dentro do período de piracema sendo elaborado termo de apreensão e boletim de ocorrência do fato.

Esta medida certamente evitou pesca predatória naquele rio, pois de acordo com denuncias dos pescadores locais, o acampamento seria utilizado por pescadores predatórios que pescam no rio Ivaí, inclusive neste período de piracema.

Agradecemos as diversas denuncias recebidas e solicitamos que a comunidade continue denunciando os crimes para que a Polícia Militar Ambiental possa cumprir melhor seu papel de proteção ao meio ambiente.

É ordem direta do governador Beto Richa e de nosso comandante do BPMA, Sr. Tenente Coronel Chehade Elias Geha que as ações de proteção ambiental sejam intensificadas, e o meio ambiente seja protegido para as gerações futuras.

Relembrando toda a sociedade, que todo cidadão pode ser um defensor da natureza e ajudar no combate aos crimes ambientais denunciando a qualquer hora, em todo o estado do Paraná os crimes ambientais através do telefone (43) 3341-7733, em Londrina e região.

Maiores detalhes estou à disposição no e-mail, ou telefone celular (43) 9991-9988.

Capitão PM Ricardo Fardim Eguedis Comandante da 2ª Cia de Polícia Ambiental

 

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta