Incêndios criminosos destroem três carros em Apucarana e Arapongas

Tribuna do Norte

A onda de violência registrada durante os últimos dias na região teve sequência durante o final de semana. Em Apucarana e Arapongas supostos incêndios criminosos destruíram três veículos.
Às 23h45 de sábado (23), o GM Monza placas CAW-2956, de Apucarana, foi destruído pelas chamas quando estava em frente à oficina mecânica de Vilson Matsui, à Rua Catarina Ponchio, no Loteamento Santa Cândida, próximo ao Cemitério Cristo Rei (zona sul da cidade). Matsui acredita que a origem do fogo é criminosa.

Já por volta da 1 hora de domingo (24), a Polícia Militar (PM) foi informada que o veículo GM Monza de cor verde, ano 1985, placas AZR-0162 (Arapongas) estava em chamas à Rua Rafael Sorpile, próximo à represa do Schimidt, no Jardim Marissol (zona leste da cidade). O carro ficou totalmente destruído.

Em Arapongas, após dois ônibus serem incendiados e uma base da Guarda Municipal (GM) ser alvo de atentado a tiros durante a semana, um veículo Fiat Palio foi alvo de suposto incêndio criminoso no Jardim Aeroporto, no final da noite de sábado. Os danos no carro foram de grande monta.

Em nenhum dos casos houve pessoas feridas. A Polícia Civil instaurou inquéritos para apurar a autoria dos três crimes

Assista a matéria em vídeo e leia mais na edição de terça-feira (26) da Tribuna do Norte – Diário do Paraná

Adicionar a favoritos link permanente.

Um Comentário

  1. Merecemos essa situacao. O governo nao esta nem ai com a populacao e enquanto nao paralizarmos um pais para pedir mudancas urgentes nada mudara!

Deixe uma resposta