IML confirma que mulher foi morta com 25 golpes de faca

Tribuna do Norte

foto_35455_300,250,indexO auxiliar de necropsia Áureo Francisco, do Instituto Médico Legal (IML) de Apucarana, confirmou na manhã desta quinta-feira (9) que Jéssica Carline Ananias da Costa, de 22 anos, foi assassinada com 25 golpes de faca (12 no tórax, dois no abdômen, oito nos braços, dois no pesoço e um na mão). Ela era sobrinha do vereador Antônio Ananias (PSDB) e foi morta  supostamente por ladrões na madrugada desta quinta-feira (9) durante latrocínio (roubo seguido de morte) em sua residência (nº 143 da Rua Nossa Senhora da Conceição, no bairro Igrejinha ((Jardim Presidente Kennedy), na zona sul da cidade).

O policial militar Janir Peçanha relatou que dois assaltantes invadiram a casa, trancaram a família no banheiro e exigiram que lhes fosse entregue dinheiro, pois a família viajaria para o Paraguai nesta quinta-feira com a finalidade de fazer compras.

“Provavelmente os bandidos tinham essa informação e ainda não sabemos direito se a Jéssica teria reagido ou se assustado e gritado, mas o fato é que os criminosos a mataram friamente com diversos golpes de faca. O marido dela, Bruno José da Costa, de 26 anos, foi amarrado e ferido nas mãos e precisou ser hospitalizado” relatou Peçanha.
Após assassinar a apucaranense e ferir o marido dela, os bandidos fugiram com dinheiro (o montante ainda não foi informado) o carro da família: um Fiat Palio prata placas HIK-1194 (Apucarana).

Inquérito – O delegado-chefe da 17ª Subdivisão Policial (SDP), Ítalo Sega, determinou a instauração de inquérito relativo ao caso e designou uma equipe especial para trabalhar na investigação, junto com agentes do Seriço de Inteligência (P2) do 10º Batalhão da Polícia Militar (BPM). Com esse latrocínio (roubo seguido de morte), Apucarana já contabiliza neste ano o número de 13 pessoas assassinadas.

“Isso é um absurdo e não queremos que acoteça isso com mais ninguém. A polícia chegou rápido no local do crime, maso bandidos ainda não foram localizados. Por quê tanta violência?”, indagou o vereador Antônio Ananias, ao falar sobre o assassinato da sobrinha.

Leia mais na edição de sexta-feira (10) da Tribuna do Norte – Diário do Paraná

Adicionar a favoritos link permanente.

Um Comentário

  1. ROQUE ATUALIZA ESTÁ MATERIA,FOI O MARIDO QUEM MATOU!!!!!

Deixe uma resposta