Godoy Moreira, Jardim Alegre, São João do Ivaí e Lunardelli no gabinete do deputado Artagão Júnior

vale300713Na manhã desta terça-feira (30), o deputado Artagão Júnior atendeu os prefeitos Primis de Oliveira (Godoy Moreira), Neuza Pessuti (Jardim Alegre), Fábio Hidek (São João do Ivaí) e Padre Hilário (Lunardelli). Além dos diversos pleitos em todas as áreas, alguns se destacam.

O prefeito de Godoy Moreira, Primis de Oliveira, trouxe o projeto para a construção de um barracão de reciclagem, com maquinário, a ser apresentado na Funasa (Fundação Nacional de Saúde). Também trata na Cohapar (Companhia de Habitação do Paraná) do pedido da construção de casas populares. Na área rural, 30 unidades aguardam a assinatura do contrato. Na área urbana, são 98. Na Secretaria de Educação, Primis acompanha o pleito da construção de duas salas de aula no Colégio Estadual Godoy Moreira e um ônibus para a Apae. Na Secretaria da Família e Desenvolvimento Social, pede agilidade na liberação dos recursos para a construção do prédio do Cras (Centro de Referência da Assistência Social).

A prefeita de Jardim Alegre, Neuza Pessuti, acompanha pleitos, em especial na Secretaria de Saúde, onde solicita equipamentos para a sala de emergência do Hospital Municipal.

O prefeito de São João do Ivaí, Fábio Hidek, trouxe o projeto da construção da nova garagem da prefeitura, além da reforma do prédio, que está sendo apresentado à Sedu (Secretaria do Desenvolvimento Urbano). O prefeito avalia que a nova garagem, retirada do centro da cidade, vai gerar menos transtornos à população. Os recursos para a reforma do Paço Municipal e para a construção da nova garagem coberta são de R$ 350 mil, oriundos do PAM (Plano de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios).  Na Secretaria da Família e Desenvolvimento Social, Hidek pleiteia a construção da sala da diretoria da “Casa Lar”, que já passa por reformas.

O prefeito de Lunardelli, Padre Hilário também trouxe o projeto do PAM. Ele utilizará os R$ 330 mil na construção do Centro de Eventos.  De contrapartida, a prefeitura vai entrar com R$ 50 mil, mais mão de obra. O prefeito também vai à Funasa, onde estão sendo reivindicados quatro poços artesianos.

 

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta