Quadrilha armada rende pessoas e assalta Banco do Brasil em Itambé

O Diário Maringá

Fotos: Câmera Rec

Fotos: Câmera Rec

Cinco homens encapuzados e fortemente armados assaltaram uma agência do Banco do Brasil (BB) localizada na Avenida São João, no centro de Itambé (41km de Maringá), no início da tarde desta terça-feira (30). Durante a ação, que durou aproximadamente dez minutos, duas pessoas foram agredidas.

Segundo a polícia, o roubo aconteceu por volta das 13h, minutos após a entrega de um malote de dinheiro. Imagens do sistema de câmeras de segurança mostram que o bando chegou ao banco, em uma caminhonete Hilux de cor prata (placa AVI-7594 de São Pedro do Ivaí) roubada, exatamente oito minutos depois do carro-forte deixar o local.Dois integrantes do bando ficaram do lado de fora da agência, armados com metralhadora e pistolas, enquanto os outros três usaram uma pedra de grande porte para quebrar a vidrança ao lado da porta giratório e abrir passagem para o interior da agência.

ROUBO A BANCO 1Empunhado pistolas e fuzis, o trio anunciou o assalto e obrigou funcionários e clientes a deitarem no chão. Uma mulher que estava no banco aguardando atendimento foi pisoteada. O gerente do banco sofreu um corte na cabeça ao ser atingido com uma coronhada de fuzil. Ele foi agredido por um dos assaltantes que se irritou ao ser informado que o cofre estava protegido por um sistema temporizador e não poderia ser aberto.

Sem acesso ao malote recém entregue pelo carro-forte, o bando ‘limpou’ todos os caixas do banco. Eles usaram uma caixa de papelão para carregar as cédulas de dinheiro e também uma grande quantidade de moedas. A quantia roubada não foi informada pela gerência do Banco do Brasil.

Enquanto a agência bancária era assaltada, os dois policiais militares de Itambé que estavam de serviço atendiam a uma ocorrência de incêndio em veículo na ponto do Rio Pinguim. Segundo a polícia, os próprios assaltantes atearam fogo em uma Toyota Sedã para ganhar tempo.

Cerca de 50 policiais militares e civis estão empenhados nas buscas aos assaltantes. Por volta das 16h, a Hilux usada na fuga foi encontrada em um canavial no distrito de Aquidaban, em Marialva. Equipes da Polícia Científica de Maringá estiveram no local para colher impressões digitais que possam ajudar na identificação dos assaltantes.

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta