PITANGA – Homem acusado de estuprar e matar a cunhada é condenado a vinte anos de prisão

O Tribunal do Júri de Pitanga (região centro-sul do Estado) condenou, no último dia 17, o réu Michael de Paula Alves à pena de vinte anos de reclusão em regime inicial fechado, acusado pela Promotoria de Justiça de estuprar e matar a cunhada dele, em abril de 2012.

Segundo a Promotoria, a vítima – que teve a garganta cortada com uma faca – foi assassinada de forma fria e premeditada. O corpo da mulher foi encontrado pela filha dela, que na época tinha apenas quatro anos de idade. O promotor de Justiça Rafael Carvalho Polli destaca que esse foi um caso bárbaro que chocou a comunidade de Pitanga.

O Conselho de Sentença decidiu pela condenação do acusado pela prática dos crimes de estupro (artigo 213 do Código Penal) e homicídio qualificado (artigo 121, §2º, incisos II e IV, do Código Penal).

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta