Mariceli Bernini: Os incomodados que se mudem

MariceliÉ bastante comum pessoas se consultarem com um psicólogo não somente para o tratamento das dificuldades psicológicas, mas também para tratamento de doenças físicas.

Percebo que padrões de pensamento e estilo de vida estão associados ao aparecimento de doenças, ou seja, cada doença é criada a partir dos pensamentos, atitudes, sentimentos e sensações se estes estiverem em desequilíbrio. Quando a mente está sã o corpo permanece são também.

Muitas vezes o paciente que se submete à psicoterapia sente que sua saúde física começa a melhorar porque com o tratamento psicológico começam a surgir mudanças de vida, como o abandono de atitudes e sentimentos desnecessários e a aquisição de novas formas de comportamentos e consequentemente novos e melhores sentimentos. Para exemplificar, pessoas que se queixam de dores (reumatismo, artrite, etc), normalmente são pessoas que reclamam e criticam situações e pessoas com bastante freqüência. Durante o tratamento psicológico, o psicólogo a leva a perceber que seu comportamento de criticar e reclamar não colabora para que situações e pessoas melhorem, mas sim que quando não se está satisfeito com algo, é a própria pessoa quem deve mudar, e os motivos de reclamações e críticas dissipam-se, e a dor desaparece. Talvez por isso é que dizem: “os incomodados que se mudem”, ou seja, aquele que está incomodado deve mudar a si mesmo, e verá que quando mudar, tudo muda.

Doenças e problemas são despertadores que tentam acordar as pessoas para a vida! Caso você pergunte, com sabedoria, o que sua doença ou dificuldade está querendo mostrar a você, certamente perceberá que são avisos que a vida envia para corrigir algo que você não está fazendo bem. É como se no corpo existisse uma campainha de alarme que dissesse que é o momento de mudar algo, e esse alarme é sempre um problema ou uma doença. Problemas e doenças são sinais de emergência para que possamos transformar nossas vidas.

Infelizmente a maioria das pessoas, quando fica doente, cai num lamentável estado de prostração ou simplesmente toma remédio para tratar os sintomas em vez de fazer uma pausa para refletir sobre os avisos que essa doença está enviando.

Os problemas, os sintomas, se não tratados pela causa, vão piorando na tentativa de fazer com que você entenda o recado.

Normalmente as pessoas não prestam atenção quando o médico diz que o tratamento é paliativo e que você precisa mudar seu estilo de vida para eliminar as causas da doença. As doenças são recados que precisamos levar a sério, principalmente as doenças que se repetem. Saber procurar e achar as causas é uma atitude muito sábia.

Os problemas e as doenças são gritos de alerta para cuidarmos de algo que não está certo em nossa vida. Quando os ouvimos com atenção, dificuldades podem se transformar em maravilhosas alavancas de crescimento pessoal.

Se você tem um problema que está se repetindo em sua vida, é chegada a hora de fazer uma análise do seu significado para poder superá-lo. E tenha muito claro que, no momento em que supera um problema que o acompanha por algum tempo, uma nova pessoa nasce dentro de você. Feliz Ano Novo!

Mariceli Bernini é psicóloga formada pela Universidade Estadual de Londrina e possui Consultório de Psicologia em São João do Ivaí.

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta