Bispos e Padres publicam texto sobre bebidas em festa de igreja

O Regional da CNBB Sul 2, que abrange as 18 dioceses do Paraná, além da Eparquia ucraniana, realizou em Ponta Grosssa sua Assembleia ordinária, ocasião de revisão das atividades em vista de um aperfeiçoamento constante da ação pastoral. “As dioceses são muito diferentes – salienta Dom João Bosco, que presidiu o encontro – Londrina é bem diferente de São José dos Pinhais; a realidade de Paranavaí é completamente diferente de Foz do Iguaçu, ou da nossa querida União da Vitória. Mas quando os bispos planejam juntos a ação pastoral, emerge daí um “rosto” paranaense da Igreja”. O ambiente da Assembleia foi sereno e fraterno, e não faltaram os momentos de oração e de convivência, estreitando a amizade.

Os padres deram seu apoio para um pedido do episcopado: para que se evite servir bebidas alcoólicas nas festas da Igreja. Um mensagem sobre esse ponto foi assinada por bispos e padres e deverá chegar a todas as comunidades, para a conscientização dos organizadores e participantes. O texto que é endereçada às 18 dioceses, mais a Eparquia Ucraniana São João Batista, que juntas englobam 830 paróquias e mais de 9.700 comunidades católicas no Estado, pede que se “inicie uma caminhada de conscientização das comunidades, a fim de que sejam evitadas as bebidas alcoólicas nas festas abertas, almoços, jantares e em eventos promovidos pela Igreja”.

“Cuidado com a embriaguez!” (Lc 21,34). Essa citação do evangelho de Lucas, na esteira do documento de Aparecida que convida a abandonar com coragem as estruturas e práticas não evangelizadoras, e ainda impulsionados pelos gestos proféticos do Papa Francisco, serviram de base para o diálogo que levou à redação do texto.

Não se trata de um decreto, nem mesmo de uma proibição, mas os arcebispos, bispos e padres fazem votos de que as festas de igreja sejam voltadas para a sadia convivência das famílias e, cada vez mais, o dízimo seja implantado e desenvolvido nas comunidades.

Os bispos do Paraná, anualmente se encontram em três momentos: o primeiro é este de março. O segundo será em maio, em Aparecida, quando acontece também a Assembleia Geral de todos os Bispos do Brasil. O terceiro será em setembro, em Curitiba, com representantes leigos e padres de todo o Estado. Este último evento tem o nome de “Assembleia do Povo de Deus do Paraná”. Em 2014, a Assembleia do Povo de Deus será muito especial: vai celebrar os 50 anos do Regional, e um livro será lançado nessa ocasião. Este livro foi escrito por Dom Pedro Antonio Marchetti Fedalto, 87 anos, historiador e Arcebispo Emérito de Curitiba. Hoje aos 87 anos. Dom Pedro conta a história da Igreja do Paraná, com a sabedoria e a memória de quem foi Secretário Executivo, e Presidente do Regional por nada menos que  28 anos seguidos. Fonte, CNBB – Sul 2

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta