Jovem que matou PMs em Medianeira era maior de idade e tinha 3 identidades falsas

Do Bonde

img_1_3_1192O rapaz havia sido preso no domingo (3), por tráfico de drogas – ele transportava cerca de 3 kg de maconha. Como utilizava a identidade de um menor de idade, Ederson de Paula Teles, de 17 anos, não foi colocado na carceragem com os demais presos. Este fato pode ter contribuído para a sua fuga da delegacia na segunda-feira, instantes antes de matar os dois PMs na avenida Brasília, no centro de Medianeira. Os soldados Diego Gurgel de Araújo e Jose Luiz da Fonseca foram executados com tiros na cabeça após abordarem o rapaz.

O corpo de Rodrigues foi encaminhado ao IML de Foz do Iguaçu para autópsia. Ele foi morto com pelo menos dois disparos durante confronto com a Polícia Militar na manhã desta terça, em um matagal no perímetro de Itaipulândia, cidade da região de Medianeira. De acordo com a Polícia Civil, ele já tinha pelo menos duas passagens pela polícia, uma delas em São Paulo.

Adicionar a favoritos link permanente.

Comentários estão encerrados.