Contrabando é encontrado em casa de casal morto em Mauá da Serra

Da Tribuna do Norte

foto_43180A Polícia Civil segue com investigações sobre a execução do casal Adir Proença e Cinéia Martins da Silva, ocorrida no último dia 1º de setembro em Mauá da Serra. De acordo com o investigador Luis Miguel Cordeiro, da Polícia Civil de Mauá da Serra, alguns pneus, oriundos supostamente de contrabando, foram encontrados em uma casa que pertencia a Adir. A residência ficava no Conjunto Elisel Resende da Siqueira e era ocupada por Ventuir – irmão de Adir – que morava no local. “Sabe-se que Adir tinha duas residências, uma neste conjunto e outra na zona rural, onde o crime ocorreu. Até o momento não se sabe se, diretamente, o material contrabandeado teve algum tipo de relação com o crime. Mas tais evidências devem guiar a investigação nos próximos dias”, ele destaca. A delegada Iane Cardoso do Nascimento, que atende ao município, estava conduzindo investigações do caso na cidade durante a tarde desta quinta-feira (04), mas até o momento, a reportagem não havia conseguido entrar em contato.

O crime Por volta das 21h30min da última segunda-feira (01) quatro bandidos abordaram o carro de Adir e Cinéia, no momento em que chegavam em casa no Assentamento Novo Mundo (zona rural de Mauá da Serra) e dispararam vários tiros contra o veículo. No carro, estavam cinco pessoas, da mesma família. O casal Adir Proença, de 37 anos, e Cinéia Martins da Silva, de 33 anos, morreu devido aos disparos. Havia um menino de três anos no colo de Sinéia que foi atingido com um tiro no ombro, mas está fora de perigo. Outros dois meninos de 11 e 14 anos estavam no banco de trás, mas não foram atingidos

– Leia a matéria completa em: http://www.tnonline.com.br/noticias/regiao/32,288561,04,09,contrabando-e-encontrado-em-residencia-de-casal.shtml
Copyright © 2014 Tribuna do Norte (TNOnline)

 

Adicionar a favoritos link permanente.

Comentários estão encerrados.