Dilma reduz compras na fronteira de Foz

foz-fronteira-230x230A Receita Federal resolveu determinar novamente a redução da cota de compras no Paraguai a partir de 1º de julho de 2015. Os brasileiros que fizerem compras na fronteira poderão gastar no máximo US$ 150, ao invés dos atuais US$ 300. A decisão foi publicada (22), na forma de uma Instrução Normativa.

A redução já havia sido determinada em julho deste ano. Porém, com a repercussão negativa da decisão em um momento eleitoral, a senadora Gleisi Hoffmann, então candidata do PT ao governo do Paraná, correu dizer que na verdade a portaria era “uma regulamentação sobre free shops e não deveria tratar da cota”. No dia seguinte, a portaria foi suspensa por tempo indeterminado.

A notícia cai mais uma vez como um baque no setor de comércio e turismo de Foz do Iguaçu já que um dos principais atrativos da região é justamente o turismo de compras no país vizinho. Com a inflação e o dólar em alta, o desejo era, inclusive, que a cota aumentasse para US$ 500. Fonte Fábio Campana

Adicionar a favoritos link permanente.

Um Comentário

  1. Parabéns pra quem votou no PT.

Deixe uma resposta