Agricultores familiares terão mais acesso a financiamentos

Agência Estadual

O Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) e a Cooperativa Central de Crédito Rural com Interação Solidária (Cresol Baser) assinaram protocolo de intenções para facilitar o acesso a financiamentos para agricultores familiares associados às cooperativas do Sistema Cresol.

Numa primeira etapa, será aberta uma linha de crédito de R$ 2,5 milhões, para atendimento de 250 famílias de agricultores familiares. O financiamento será feito com recursos do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) e garantia do Fundo de Aval Garantidor da Agricultura Familiar do Paraná (FAR).

A Cresol Baser comemorou 20 anos de atividades com a assinatura do protocolo nesta quinta-feira (23), em Francisco Beltrão. A gerente de Operações Adjunta do BRDE, Carmem Truite, representou a diretoria do banco na cerimônia.

ASSINATURA – o protocolo também leva a assinatura dos diretores do BRDE Wilson Quinteiro (de Operações) e Orlando Pessuti (Administrativo), do diretor-presidente da Cresol, Alzimiro Thome, do diretor-secretário, Luiz Levi Tomachescki, e do secretário da Agricultura e Abastecimento do Paraná, Norberto Ortigara.

“É uma importante ação conjunta do BRDE e Cresol na busca pelo fortalecimento da agricultura familiar paranaense”, disse Quinteiro.

Para o diretor Orlando Pessuti, o Sistema Cresol é motivo de orgulho para o Estado. “É um exemplo de que com união, organização, disposição e responsabilidade é possível fortalecer o setor agrícola e melhorar a vida do homem do campo. É também um orgulho ver o BRDE fazendo parte dessa trajetória vitoriosa”, afirmou Pessuti.

HISTÓRIA – As primeiras cooperativas do Sistema Cresol no Paraná surgiram em 1995. Junto, foi criada uma base de serviços encarregada de dar suporte a essas cooperativas em diversas áreas e servir como interlocutora das cooperativas com outras organizações, bancos, governos e entidades de apoio.

Em 1998, surgem as primeiras cooperativas do Sistema Cresol em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul. Em 2000, a Cresol Baser, por orientação do Banco Central, foi transformada em cooperativa central, com sede em Francisco Beltrão (PR). Em 2004, foi criada a segunda cooperativa central de crédito, em Chapecó (SC).

O Sistema Cresol atende agricultores familiares com o objetivo de facilitar o acesso ao crédito rural e a serviços financeiros. A intenção é consolidar a agricultura familiar e contribuir para um projeto de desenvolvimento local sustentável. Os recursos captados são aplicados localmente.

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta