Polícia Civil identifica suspeito de assassinar mulher em Faxinal

Objetos da vítima foram encontrados na casa de parentes do suspeito

O delegado da Polícia Civil de Faxinal, Sílvio Cardoso, informou que a Polícia Civil de Faxinal já identificou um homem de 20 anos, principal suspeito da morte da senhora Raquel Batista Vieira Rosa, 55 anos, no dia 21 de fevereiro, em sua residência, no centro de Faxinal. Segundo o delegado, o suspeito teria estrangulado-a.

O nome não foi divulgado, mas as investigações apuraram que ele realizava pequenos trabalhos para vítima e, no último dia em que foi vista com vida, ela teria feito dois contatos telefônicos com ele. No decurso do inquérito, a Polícia Civil apurou que vários objetos subtraídos da casa de Raquel Rosa foram encontrados com parentes do suspeito, como um secador de cabelo, porta joias, relógios e uma torneira elétrica. “Essa torneira elétrica foi adquirida pela vítima, poucos dias antes e ela teria dito a uma sobrinha que pediria para ele instalar”, comentou o delegado. Além dos objetos, a família da vítima suspeita que ele também tenha sido subtraído a quantia de R$ 800.

Segundo o delegado Sílvio Cardoso, o suspeito foi ouvido de forma preliminar e negou que tenha tido contato recente com a vítima, afirmando que está há quase um ano sem contato com ela e que, há muito tempo, não realiza serviços para a mesma.

Cardoso destaca que o suspeito está com a prisão preventiva decretada, mas não foi localizado pela Polícia Civil.

Colaboração Paraná Centro

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta