Acidente com ônibus em Candói deixa vários mortos

Um acidente na BR-373, envolvendo um ônibus e dois carros, deixou nove mortos na madrugada deste sábado (5). De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), houve uma colisão frontal entre o ônibus, que levava 40 passageiros, e um carro com placa de Foz do Jordão, por volta das 3 horas.

Um terceiro veículo se envolveu no acidente, mas seus ocupantes fugiram. A PRF?encontrou o carro, um Chevette, abandonado a 700 metros do local, em uma área de plantação.

Entre os mortos, sete eram passageiros do ônibus e dois estavam no carro com o qual aconteceu a colisão frontal, um Santana. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o motorista do carro teve as duas pernas fraturadas. Ele não resistiu e morreu enquanto era transferido do hospital de Candói para Guarapuava.

Há mais passageiros feridos. Eles foram encaminhados para o Hospital Santa Clara de Candói ou para os municípios de Guarapuava e Coronel Vivida. De acordo com o portal G1, são 27 feridos, dos quais apenas cinco já tiveram alta. A PRF?fala em um número “próximo de 30”.

Sem cinto de segurança

O acidente aconteceu no quilômetro 410 da rodovia. O?ônibus havia sido contratado por um consórcio de municípios da região de Realeza, no sudoeste do Paraná, e fazia a viagem de retorno de Curitiba. Os passageiros eram pacientes e acompanhantes que vieram à capital realizar consultas médicas.

Eles eram das cidades de Ampére, São Jorge D’Oeste, Nova Prata do Iguaçu, Realeza, Nova Esperança do Sudoeste e Salto do Lontra.

Segundo a PRF, o Santana teria invadido a pista contrária, no que seria uma ultrapassagem indevida, colidindo de frente com o ônibus. A maioria dos passageiros do ônibus, que ainda não foi removido da rodovia, não usava cinto de segurança.

Fonte Gazeta do Povo: leia mais aqui

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta